Viver a Figueira 12 meses por ano

CHOVEM AMORES NA RUA DO MATADOR

Auditório Municipal
July 23, 2022
5€

Baltazar Fortuna está zangado. Com os homens, com a vida, com Deus e consigo mesmo. Fortuna, só lhe coube a do nome. E, sobretudo, está zangado com as mulheres. Com as três mulheres da sua vida. Por isso volta a Xigovia – a pequena vila no Sul de Moçambique, onde elas vivem – com um objetivo claro: matar. Sim, matar. Matar o azar, varrer a má-fortuna e emendar a vida que escolheu viver, mas já não deseja. No processo, há que matar as mulheres também. São elas as culpadas, disso não duvida. Ele, que sempre teve medo das palavras quer redimir-se nos atos…
Mia Couto e José Eduardo Agualusa refletem neste conto – adaptado ao palco com dramaturgia do próprio Mia Couto – sobre o conflito entre um Moçambique periurbano, que hesita entre um lastro de tradições e práticas ancestrais cristalizadas nas mentalidades masculinas dominantes, e um novo país, de demografia galopante, prenhe de jovens que, a cada dia, se revêm menos nas estruturas culturais herdadas e nas práticas sociais que elas impõem.

Chovem amores na rua do matador figueira da foz
×